Stalkerwares e spywares: como agem esses aplicativos espiões?

Você sabia que aplicativos considerados espiões podem ser classificados em duas modalidades? Isso mesmo!! Existem os denominados stalkerwares e os spywares. Mas, quais são as diferenças entre eles? Como podemos nos proteger?

Antes de adentrarmos as diferenças, vale a pena esclarecer que tanto stalkerwares quanto spywares por se tratarem de apps espiões, servem para monitorar sem que a vítima perceba, suas atividades do dispositivo, enviando informações ao espião.

De acordo com o site makeuseof, a principal diferença é que enquanto o spyware se infiltra nos sistemas, se passando por um programa legítimo, para coletar dados da vítima, o stalkerware anuncia abertamente suas funcionalidades para possíveis clientes, enviando os dados da vítima ao e-mail fornecido pelo usuário.

Vamos conferir mais detalhes sobre este assunto a seguir.

Como funcionam os apps espiões?

Apps do tipo stalkerwares costumam ser instalados tanto fisicamente, por alguém que tenha acesso ao dispositivo, quanto por links e downloads que ao serem executados pelas vítimas, passam a monitorar e registrar suas ações, transmitindo ao stalker informações, como localização do dispositivo, histórico de navegação, mensagens de SMS e conversas em redes sociais.

O crescimento na utilização desse tipo de software, principalmente para espionagem entre casais, chamou a atenção, em 2019. Segundo levantamento desenvolvido pela Kaspersky, na época, mais de 37 mil pessoas descobriram a presença de apps stalkerwares em seus dispositivos, o que representou um aumento de 35% em relação ao ano anterior.

Um dispositivo espionado por um app do tipo, costuma apresentar sinais, como aumento no uso de dados móveis, já que fazem uso da internet para enviar as informações da vítima. Além disso, pode ser que ocorra quedas repentinas no consumo da bateria, devido a comunicação com servidores realizadas em segundo plano.

Já a forma dos apps spywares atuarem envolve a participação de programas, como keyloggers e malware clipper, utilizados para roubar senhas das vítimas, por exemplo. Apps deste tipo são inseridos no dispositivo pelo próprio usuário, por descuido.

Agindo secretamente, praticamente invisíveis, os spywares monitoram as atividades, coletando e enviando informações, como dados pessoais, detalhes sobre o dispositivo, hábitos de navegação e assim por diante.

Em matéria publicada pelo site canaltech, afirma-se que o app malicioso age em segundo plano, monitorando o uso do mouse, pressionamento e capturas de teclas, coletando, por exemplo, credenciais de autenticação, endereços de e-mail, senhas, preenchimento de formulários e números de cartão de créditos.

Ainda, conforme a matéria, basta que a vítima clique em um link aleatório, abra um anexo de e-mail desconhecido, visite sites maliciosos para que programas spywares sejam instalados.

Como podemos perceber, ambos os apps são capazes de trazer prejuízos às vítimas, principalmente à sua privacidade. Então, como devemos nos proteger contra eles?

Formas de proteção contra apps espiões

Para se proteger contra a ação de apps do tipo stalkerwares, o site techtudo sugere verificar se a opção  que permite a instalação de aplicativos por fontes externas, no caso de dispositivos Android (Google Play Store) está habilitada. Se estiver, o melhor a ser feito é desativá-la.

Confira o passo a passo que preparamos na matéria “Como proteger seu dispositivo contra apps espiões”

Em relação aos spywares, além de cuidados com links, e-mails e sites desconhecidos, SMS e mensagens via WhatsApp, uma atenção também com apps de ferramentas que aparentam ser úteis, disponíveis para download, como aceleradores de internet, gerenciadores de download e limpadores de disco rígido.

Como stalkerwares e spywares são tipos de malwares (softwares maliciosos) as formas de prevenção contra eles são praticamente as mesmas. Além de todos os cuidados necessários é também importante utilizar um programa confiável de segurança cibernética.

Conta pra gente: Já foi vítima de algum tipo de app espião?

Um comentário sobre “Stalkerwares e spywares: como agem esses aplicativos espiões?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s